Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Saudade de mim

Sábado, 03.04.10

Sim, é verdade... tenho saudade de mim, saudade de voltar a encontrar-me a mim próprio e de falarmos muito... da vida, da esperança, da solidão, da felicidade... falar do tempo e da distância que nos separa, falar destes Mundos tão diferentes entre o poeta e o cidadão comum.
Um dia saberei quem sou e por onde tenho andado (?)

Autoria e outros dados (tags, etc)

AnjoTrovador - Victor Jose às 12:12


18 comentários

De Anónimo a 07.12.2012 às 18:38

Interessante a tua maneira de sentir e de viver no teu interior da alma. Poucos o conseguem.Adorei mesmo..demais. Abraço. Luciano Paiva

De Anónimo a 16.11.2012 às 16:48

Entao amigo? Saudade do fim? Para finalmente acabar com alguma dor?
A vida, o tempo e o amor a Deus ajudarao voce a ser feliz - com esse carater tao completo que tem, tudo vai sair bem.

De Paulo Freitas a 19.10.2012 às 09:07

Gostaria de o convidar para uma Tertúlia de Poesia em Loures. Temos varias pessoas muito interessadas na sua presença. Veja seu mail.
Escreve do fundo da alma. Excelente.

De Filipe Soares Costa a 26.11.2011 às 14:14

Espantoso e arrepiante o final do poema.
Vais ser um grande

De Hermínia Nadais a 25.11.2011 às 16:41

Saudades, amigo Victor!
Que esteja muito feliz!
Os acontecimentos da vida tanto nos ignoram, como nos unem e depois nos separam!
São as regras deste mundo em que ainda nos é dado viver.
Que o SOL brilhe nos seus horizontes,
Que os seus filhos sejam a àgua mais cristalina das fontes,
Que as pessoas que consigo se cruzem mereçam a sua amizade e companhia!
Eu, com o meu marido que também muito o admira, esperamos abraçá-lo de novo, um qualquer dia!

Hermínia e Herculano Nadais

De Ana a 14.11.2011 às 23:43

Gosto muito de poesia

De Fernando m. a 14.07.2011 às 19:18

Tenho um prazer sem fim de ter como amigo. Aparece mais vezes na net ou no bar que ja sabes!!!

De Anónimo a 30.06.2011 às 07:46

acho curioso este poema mas de verdade, me leva pela como sempre pela magia dad suas metaforas. Onde encontro novos poemas seus?

De Tiago Fernandes a 01.05.2011 às 12:14

todos temos medo disso, e de saber por onde temos andado, e o que fizemos das nossa vidas

De Tiago Fernandes a 01.05.2011 às 12:12

que verdade mister poesia, abraço!

Comentar post


Pág. 1/2






Contacto:

victorjose.poeta@gmail.com

 


© Copyright

Poemas Protegidos pela Legislatura e Acordos Internacionais de Direitos de Autor (ABRAC; SBACEM; ABP; GDA; SPA; SGAE e outros) © Victor José - Membro da Sociedade P. de Autores



comentários recentes

  • Anónimo

    Parabens por tudo que escreve - gosto mesmo e este...

  • Hermínia Nadais

    Estas maravilhas... oara matar saudades! Tudo de...

  • Anónimo

    vi isto no face e vim ca espreitar e ainda bem, go...

  • sergio mf

    Sim e que bom é transpirar pela adrenalina do amor...

  • celeste pina

    adoooorei mesmo..... e essa parte final está genia...

  • celeste pina

    mais um belo video., quantos talentos tem este poe...

  • rui pratas

    ..... fantastico e que poemas eternos tem o teu li...

  • sergio mf

    Pequeno poema mas comenorme fantasia e creatividad...

  • Leandro Poeta

    Vim aqui para louvar o que escreves e a pessoa que...

  • Anónimo

    Es um autentico arquiteto de boa poesia; tranquila...

  • Regina

    vi no facebook e nao resisti a visitar..... maravi...

  • Regina

    sempre que moramos noutro coraçao e nos sentimos b...