Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



É este o meu destino

Quarta-feira, 16.12.09

 

Desde muito cedo, senti a necessidade de partir para a aventura e vive-la até aos extremos... do bom, do agradável, mas também da tristeza, desilusões e sempre tentei compreender as pessoas que me rodeavam, os seus problemas, as suas alegrias…
É este o meu destino que vou desenhando, são estas as palavras que também me alimentam e por vezes se revoltam e me dão a sensação de não ser ninguém, de nada valer...
© Victor José
(todos direitos reservados pelo Autor)

Autoria e outros dados (tags, etc)

AnjoTrovador - Victor Jose às 18:21


9 comentários

De Paula M. a 09.12.2012 às 15:31

por vezes nao valemos nada, nem o bom nem o mal que temos em nós????
Nao sejas modesto poeta, ajudas tanta gente com a tua maneira de ser e a tua poesia. Admiro essa personalidade forte.... exemplar..... feliz quem te tem por perto e és amigo....

De Hermínia Nadais a 05.02.2012 às 20:00

Saudades, amigo Victor!
Que esteja muito feliz junto de quem mais desejar.
Abraço, meu e do Herculano

De Anónimo a 26.04.2010 às 12:56

Sentes que nao vales nada? Deixa de ser modesto rapaz e acorda.
Tens futuro sim como escritor porque es diferente e mesmo excelente autor.
Abraço
JM

De Thunder a 13.02.2010 às 19:45

tb eu escrevo poesia... o meu blog esta afixado ond diz e-mail... tnhu apenas 19 anos, mas n keruh assumir ao mundo k akeles poemas sao meus... mesmo assim no silencio do kuarto com uma leve melodia vou escrevendo e afixando no blog... thunder4ever.skyrock.com gostava k fosse mais visitado...

De Anónimo a 13.01.2010 às 17:27

gostei dessa humildade e vou voltar
vejo que vale a pena

De Anónimo a 11.01.2010 às 13:48

nao me admira este Victor Jose, es assim mesmo e ao natural,
Continua modesto e amigo do amigo.

De Hermínia Nadais a 22.12.2009 às 23:32

Ó meu amigão! Tanta falta de tempo... mas pelos vistos é para todos nós!
Tenho o coração muito apertado... muito mesmo...
Posso não saber que lhe dizer sobre muitas coisas... mas que é o melhor amigo do mundo lá isso é. poderá haver igual, melhor tenho a certeza que não!

O reflexo de uma pessoa está na forma como vive e se relaciona com as pessoas. É difícil encontar uma pessoa maior ou melhor, em todos os níveis que de sio conheço, para mim tem um valor extraordinário. Quanta apredizagem já repartiu comigo? Quanta ajuda me ofertou? Quanta coragem me deu? E quanto carinho, compreensão e amizade?
Tenho muitas saudades suas, desejo-lhe o melhor do mundo, e a todos os seus.
Um abração da sempre amiga,
Hermínia Nadais

De nataly a 16.12.2009 às 20:36

ainda parece que existe pessoas decentes e modestas.
Que bom e que caracter que tem.
Felizes os seus amigos.

De Anónimo a 16.12.2009 às 18:44

Adoro este blog, é so pena nao ter mais coisas. Vais a caminho das estrelas porque pouco a pouco es uma estrela.

Comentar post





Victor José

foto do autor


Visita-me no Facebook:

Clica e entra aqui


Contacto:

victorjose.poeta@gmail.com

 


© Copyright

Poemas Protegidos pela Legislatura e Acordos Internacionais de Direitos de Autor (ABRAC; SBACEM; ABP; GDA; SPA; SGAE e outros) © Victor José - Membro da Sociedade P. de Autores



comentários recentes

  • Anónimo

    Parabens por tudo que escreve - gosto mesmo e este...

  • Hermínia Nadais

    Estas maravilhas... oara matar saudades! Tudo de...

  • Anónimo

    vi isto no face e vim ca espreitar e ainda bem, go...

  • sergio mf

    Sim e que bom é transpirar pela adrenalina do amor...

  • celeste pina

    adoooorei mesmo..... e essa parte final está genia...

  • celeste pina

    mais um belo video., quantos talentos tem este poe...

  • rui pratas

    ..... fantastico e que poemas eternos tem o teu li...

  • sergio mf

    Pequeno poema mas comenorme fantasia e creatividad...

  • Leandro Poeta

    Vim aqui para louvar o que escreves e a pessoa que...

  • Anónimo

    Es um autentico arquiteto de boa poesia; tranquila...

  • Regina

    vi no facebook e nao resisti a visitar..... maravi...

  • Regina

    sempre que moramos noutro coraçao e nos sentimos b...